Cavaleiros do Planalto cumprem metade da jornada

Postado por Djeine A. Dalla Corte | quarta-feira, agosto 20, 2008 | , | 0 comentários »

"Por estas voltas de campo, andei cansando o cavalo. Tocando o gado por diante, mandando a vida pra frente. Sabendo que o Sul pra gente é bem maior do que tantos. Tamanho os olhos dos outros querendo o verde dos campos". Com a letra da música Cansando o Cavalo, do Gujo Teixeira e do Marenco na mente, os Cavaleiros do Planalto Médio cumpriram nesta quarta-feira mais uma jornada na condução da Chama Crioula de São Leopoldo a Passo Fundo.

Após passar por Santana, Harmonia, Brochier, Poço da Antas, Encantado, Capitão e Nova Bressia a cavalgada faz pousada no CTG Porteira da Amizade de Revaldo, onde cavalos e cavaleiros descansam após percorrerem 214 km do total de 348 até Passo Fundo onde chegarão domingo dia 24.

Segundo o patrão do grupo Giovani Giacomini, além de estarem cumprindo um dever cívico, a sitisfação é maior pelo gosto de andar a cavalo e pela hospitalidade e novas amizades que se formam em cada sesteada e pouso.

A cavalhada anda bem porque o respeito com os animais é sempre primordial e o cuidado é tanto que primeiro os cavalos são tratados para depois os peões se alimentarem, e não esquecendo de pedir a proteção divina na Oração do Gaúcho :

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo e com licença do Patrão Celestial.
Vou chegando, enquanto cevo o amargo de minhas confidências, porque ao romper da madrugada e ao descambar do sol, preciso camperear por outras invernadas e repontar do Céu, a força e a coragem para o entrevero do dia que passa.

O cozinheiro Cecílio capricha e diversifica bem a "bóia campeira" para que todos tenham energia suficiente porque amor a causa e a satisfação em cumprimento do dever há de sobra.

Fonte: Cavaleiros do Planalto Médio

0 comentários